Seu navegador não suporta JavaScript!

MPT Notícias

Filtro

Filtre matérias por:

Instruções de busca

Escolha qualquer combinação dos argumentos acima para encontrar Matérias do MPT posteriores à 21 de maio de 2015. Para matérias anteriores utilize as opções de ano/mês de Arquivo..

28/10/11 Escola Superior do Ministério Público da União

Simpósio e oficinas debatem a efetividade da proteção do patrimônio cultural

Brasília (DF) - Sob uma abordagem multidisciplinar, atividades buscam discutir os desafios à preservação dos bens culturais brasileiros. Simpósio oferece 80 vagas para servidores do MPU e especialistas em patrimônio cultural. Oficinas contam com 15 vagas exclusivas para membros do MPF, do MPT e do MPDFT.

No dia 18 de novembro, a Escola Superior do Ministério Público da União (ESMPU) promoverá em São Paulo (SP) o Simpósio “Olhar multidisciplinar sobre a efetividade da proteção do patrimônio cultural” e duas Oficinas com o tema “A efetividade da proteção do patrimônio cultural, sob a visão multidisciplinar”. O objetivo é debater temas relacionados à proteção efetiva dos bens culturais, reunindo profissionais de áreas ligadas à defesa da cultura, da história e da arquitetura brasileiras.

O simpósio oferece 80 vagas sendo 10 para servidores do MPU e 70 para especialistas e pesquisadores da área de patrimônio cultural. Cada oficina contará com 15 vagas exclusivas para membros do MPF, do MPT e do MPDFT. A Escola custeará a participação, nas oficinas, dos membros lotados fora da capital paulista.

Os interessados poderão inscrever-se até as 12h do dia 9 de novembro, acessando o endereço www.esmpu.gov.br, link “Inscrições”, e, na opção desejada, clicando em “Inscrição”. A seleção dos candidatos será feita por sorteio eletrônico. Os membros do MPU selecionados para participar das oficinas serão automaticamente inscritos no simpósio.

Programação – As atividades buscarão despertar a reflexão sobre identidade, memória e aspectos culturais diferenciados que identificam determinado bem como portador de valor cultural. A abordagem multidisciplinar permitirá discutir a perspectiva do patrimônio cultural móvel ou imóvel, ameaçado e protegido, bem como esclarecer questões ainda em aberto sobre o tema.

A programação contará com palestras e estudos de casos sobre arte cemiterial como patrimônio cultural e turístico, cinema e memória coletiva, lugares de memória, turismo e arqueologia, desafios na preservação do centro histórico da cidade de Diamantina (MG), entre outros assuntos. À frente das atividades estarão membros do Ministério Público Federal e especialistas das áreas de direito ambiental e do patrimônio cultural, arquitetura e urbanismo, história, artes e arqueologia. A ESMPU emitirá aos participantes certificado referente às 8 horas-aula de atividades.

Outras informações podem ser obtidas com a Central de Atendimento ao Usuário da Escola, pelo e-mail cau@esmpu.gov.br.

 
Fonte: Escola Superior do Ministério Público da União
Mais informações: (61) 3313-5132 / 5126

Conteúdo Complementar
${loading}