Seu navegador não suporta JavaScript!

Janot reconduz procurador-geral do Trabalho

Ações

MPT Notícias

Filtro

Filtre matérias por:

Instruções de busca

Escolha qualquer combinação dos argumentos acima para encontrar Matérias do MPT posteriores à 21 de maio de 2015. Para matérias anteriores utilize as opções de ano/mês de Arquivo..

08/08/17 Procuradoria-Geral do Trabalho

Janot reconduz procurador-geral do Trabalho

Ronaldo Fleury continua no comando do MPT para o biênio 2017/2019

Brasília – O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, reconduziu o subprocurador Ronaldo Fleury por mais dois anos ao cargo de procurador-geral do Trabalho para o  biênio 2017/2019.  Fleury teve a maioria dos votos  do Colégio de Procuradores em eleição realizada dia  no 1º de agosto. A Portaria nº 76, que formaliza a recondução, foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (9). 

O procurador-geral agradeceu o voto e o apoio dos colegas procuradores e destacou que o trabalho nesta nova gestão será  consolidar ainda mais a imagem e o reconhecimento do trabalho da instituição. “Aprendi com o meu pai, que falava: Ronaldo sempre que você acordar, pense, não no que você sabe, mas no que vai aprender. E todo dia quando eu acordo,  sei que vou aprender alguma coisa.  Em todos os cargos que ocupei, durante todo esse caminho, sempre encontrei colegas com ânimo de acertar e fazer o correto. Estar do lado bom. Sempre falo no curso de iniciação e vitalciamento (dos procuradores do Trabalho) , que nós temos o melhor trabalho do mundo: ser bem remunerado para fazer o que gostamos e fazer a diferença na vida das pessoas”, disse Fleury.

"Tenho certeza de que serão mais dois anos de muito mais trabalho para todos nós. Teremos que trabalhar muito para a consolidação da nossa instituição, que nunca foi tão conhecida e reconhecida quanto hoje. Precisamos consolidar isso, ainda há muito espaço para a gente caminhar e crescer. Está nas nossas mãos saber usar os instrumentos que a gente tem.”

Carreira - Subprocurador-geral do Trabalho desde 2010, ele entrou no Ministério Público do Trabalho (MPT) em 1993 e foi procurador regional do Trabalho por nove anos. Foi procurador-chefe da Procuradoria Regional no Distrito Federal e Tocantins (MPT-DF/TO) e coordenador nacional de Trabalho Portuário e Aquaviário (Conatpa) do MPT.  Em 2015, foi eleito para o primeiro mandato de procurador-geral do Trabalho. É também presidente do Conselho Superior do MPT.

Coautor de três livros de doutrina jurídica, artigos e pareces publicados em periódicos e com participação em dezenas de palestras, seminários e cursos ministrados, Ronaldo Fleury tem, ainda, experiência acadêmica como professor universitário de Direito Coletivo do Trabalho.


 

 

Assunto(s)
Atuação do MPT
Procuradoria-Geral do Trabalho - Assessoria de Comunicação - Tel. (61) 3314-8222
Conteúdo Complementar
${loading}